terça-feira, 25 de novembro de 2008

FILHOS

Tento não fazer isso aqui no blog, mas tenho que desabafar, usarei o ouvido de vocês, ou a leitura de vocês.
Bem meu filho vai ser reprovado na escola.
Ele está no 7º ano ou 6ª serie antiga, e vai levar pau, só estou esperando o resultado oficial da escola,porque pelas nossas contas matemáticas é pau.
Eu não vou usar a velha ladainha de que eu nunca repeti de ano, sempre fui boa aluna, mesmo isso sendo verdade, mas não vou usar isso com ele e nem com vocês.
Não sei se vocês já passaram por essa experiência, ou se seus filhos já, mas é difícil viu, muito.
Não briguei com ele, não gritei, nada disso, só conversei e muito, muito mesmo.
Sabe que me bateu um sentimento de culpa, de que falhei na educação dele?
Parece que poderia estar mais presente sei lá.
Trabalho muito, gosto de escrever aqui e fico achando que devia ter dado mais atenção a ele, acho que é a culpa da mulher moderna.
Sei lá, só sei que ele está bem triste, mas estamos conversando.
Quem sabe no ano que vem tudo muda...........

18 comentários:

Loira e Morena disse...

Querida..nao procure culpados para essa situação!!
O melhor a fazer é tentar resolver, conversando muito com ele...como vc disse leva-lo a terapia...
Quem sabe vcs conseguem descobrir o q ao fnal causou essa situação!!!
NAo creio q vc deva se sentir culpada, tantos pais trabalhame educam seus filhos, eu fui criada somente por minha mae e ela trabalhava mto tbm e nem por isso deixou de mer da atençao ou carinho...coisa q eu sei q vc tbm nao deixa de dar ao seu filho!!
Desabafe, sempre que vc precisar ..estaremos aqui para te ajudar no q for possivel..e assim q der conversaremos melhor ta minha queridA!!!

Beijocas da Loira

Quase Trinta disse...

Eu não tenho filhos (ahhhhhhh, mas quero ter, ainda vou ter).
Mas esse é o relato que escuto de várias mães aqui no meu consultório nessa época do ano, procurando achar os culpados.
Nessa hora acredito que não existe culpado, o ano já acabou, é procurar acompanhar o próximo ano bem de pertinho e curtir essas férias já que esse como suas contas já mostraram já se perdeu.
bjs

Iêda disse...

Ana, não existem culpados. E isso passa, pode ter certeza que para ele a situação é tenebrosa e será bem mais difícil no próximo ano.E para ele enfrentar a situação revendo tudo novamente só com muita ajuda dos pais. Falo isso, pois já fui reprovada uma vez; estudava em colégio particular e me senti muito culpada por decepcionar meus pais. E olha que eles nem tocaram em assunto de grana, só conversaram bastante. Bem, agora só posso te dizer que na época ninguém acreditou que eu tinha sido reprovada porque sempre fui considerada CDF (mas eu tinha pavor da professora de Biologia e na hora da prova não saia nada! rs) e agora qdo conto isso para alguém que me conhece, a pessoa fica sem acreditar! rs Só posso te dizer que isso passa e no futuro não fará diferença nenhuma... Hoje sou jornalista e professora universitária! E te digo, o susto valeu.
Ah, pode desabafar sempre que quiser. amigos blogueirors tbém servem para isso!
Beijões

*** Cris *** disse...

Ei amiga, não sinta-se culpada, vc com certeza é uma ótima mãe ,pois penso que caso contrário não estaria se interrogando sobre esse assunto. Tenho filhos, são ainda novinhos,mas já dão trabalho no colégio...algumas vezes tb me senti culpada,mas não é por aí amiga,levantemos nossas cabeças e as de nossos filhos,eles precisam de crédito e dê um a ele, de que no próximo ano ele será bem melhor.
querida desabafe o quanto quiser e se desejar conversar estou no msn, crisfontesrj@hotmail.com
Bjs!

Taynar disse...

Eu imagino a barra que deve tá sendo pra ti.
Mas tenta relaxar, eu sei que não deve ser fácil, mas só conseguimos pensar direito, com a cabeça clara.
Então tenta ficar bem.
Beijos, moça

Nina disse...

Oi, querida,

eu sempre fui ótima aluna...Lembro-me até de uma professora, que para meu constrangimento, parava a aula e dizia para todos os alunos olharem para mim e me tomarem como exemplo (eu era tímida e queria me enterrar no chão).
Mas justamente na 6ª série (antiga), eu quase levei pau pela primeira e única vez. Fiquei de recuperação de várias matérias. Sentei-me no fundão, não estudava, matava aula... Minha irmã repetiu a 6ª série.
Acho que esta é a época mais complicada, início da adolescência, até o relógio biológico começa a mudar.
Mas claro que não é desculpa, porque senão todo mundo repetia e não é o que acontece!
No meu caso, o susto bastou. No caso da minha irmã, minha m~e que era professora em um colégio público barra pesada, a levou para lá. O ano passado sob marcação cerrada e convivendo com pessoas que estudavam duro apesar de uma série de restrições de todos os tipos foram suficientes.

Não existem culpados, mas com certeza existem diversos motivos que o levaram a isto. Com certeza, você conhece seu filho e saberá qual o melhor caminho para que este não seja um ano perdido e sim um aprendizado para a vida toda!

beijos(ainda não coloquei o selinho, mas vou colocar em breve, obrigada!)

Manuzica disse...

Rosa, eu tenho certeza que vc fez o teu melhor. E se por algum motivo vc pensar diferente, foi pq vc teve os seus motivos.
A minha filha fez recuperação de matemática no ano passado, mas eu conversei tanto com ela..sem me culpar ou culpá-la..que esse ano ela se recuperou e passou direto.

A minha sobrinha perdeu o ano passado e esse ano perdeu mais uma vez. Minha irmã fica arrasada, grita, briga...eu aconselhei a procurar um psicólogo e tentar descobrir a raiz do problema.

Nenhuma mãe quer ver os teus filhos repetindo de ano..mas é só um ano escolar. Com ceretza ele vai recuperar la na frente.

Precisando de algo...grita aí que eu respondo daqui.

Bjocas.

Fica bem.

A Publicitária disse...

força amiga, nao se sinta culpada..

Ice Ice Baby disse...

é um saco mesmo né?
eu nunca repeti na escola, só numa matéria da faculdade...e fazer d novo uma matéria por seis meses já foi horrivel..imagina um ano inteiro de todas as matérias..

apóia ele e tenta acompanhar a educação dele desde o inicio do ano q vem.

fica do lado na hora dos exercicios até sentir q ele tá mais seguro pra seguir sozinho. isso faz diferença.

bjs chuchu

Nem Li disse...

É bom ele tomar pau...Assim ele tem uma ano a mais para escolher uma profissão, antes de prestar o vestibular.

Loira e Morena disse...

É, acho q estou aprendendo com o tempo né....mas ta tudo confuso aqui dentro em relaçao ao novo mocinho..rs

Beijocas da Loira

o casalqseama* disse...

oi, ana!
nunca reprovei, sempre gostei de estudar. mas minha irmã, 15, que não gosta muito, reprovou ano passado... na hora fiquei preocupadésima, pois achei que meu pai ficaria muitíssimo bravo e talvez dissesse coisas que pudesse se arrepender posteriormente. pela graça dos anjos, meus pais foram muito compreensivos com ela, deram estímulo, não fizeram comparações (que é terrível para a cabeça e formação deles), impuseram condições do tipo "está nas suas mãos o seu balé" e falaram sobre a velha estória do "a gente colhe o que planta"...

esse ano, ela já está passada. infelizmente, é preciso passarmos por certas coisas ruins para aprendermos. não seja brava, mas seja incisiva. a culpa não é sua, ele é quem estuda, com certeza sentiu o peso grande da responsabilidade. seu filho dará um show em 2009, ele não vai querer passar por essa tristeza pessoal e que promoveu aos pais.

boa sorte.
bj grande da fê =D

MELISSA S disse...

Não dá para se culpar pelo leite derramado. Realmente é muito importante que vc acompanhe a educação de seu filho pq é difícil para as crianças com tantos etímulos hj em dia terem a dedicação sem que haja algum tipo de direcionamento dos pais. O que eu faria, no seu caso, é estipular como vc pode ajudá-lo no ano que vem e ser mais presente. Não se culpe pelo que aconteceu pq isso de nada vai adiantar. Você já deu um passo importante que foi conversar com ele. So precisa agora refletir em como ajudá-lo a se tornar um bom aluno. Tenho certeza de que vcs dois conseguem. Beijos

Thays Nascimento disse...

Amiga! Eu tenho hoje 20 anos, repeti de ano na 5ª série, e quando isto aconteceu eu recebi o total apoio da minha mãe, não brigou não falou nada...
Acho que terapia não seria o momento porque mesmo isso não é um transtorno, foi apenas dificuldades ou falta de atenção nas aulas, é normal acontecer, lá na frente seu filho vai pensar como eu pensei: caramba, minha amiga tá terminando o 3 ano e eu ainda to no 2!! mas depois isso passa...
Agora ele vai conseguir ir bem na escola pq vai ver tudo de novo, mas se no outro ano ele começar a ter problemas, coloque ele em aulas de reforço igual eu fiz, é muito bom! melhor que terapia, psicologia, essas coisas, isso pode deixar ele meio revoltado... sei lá, ele pode achar que tá todo mundo achando que ele tem problema... é só um conselho.
BJS

devaneiosdeumqualquer disse...

Olha, nunca repeti de ano. Mas já apanhei pra caramba por ter tirado notas baixas. E acho que você está fazendo certo, conversando é mais fácil de identificar onde está o erro. De repente faltou um pouco de interesse dele nos estudos, ou então um pouco mais de incentivo da sua parte. Não existe culpado, mas agora que já aconteceu dá pra aprender com o erro né?
Bola pra frente, ficar chateada por uma coisa que não tem mais solução não vai te levar a lugar nenhum..

E tem outra também, tenho um primo que era revoltadíssimo com a escola, repetiu de ano 4 vezes, hj ele tem doutorado e trabalha na Europa. Nem é o fim do mundo..

Falando como meu filho: "Fica bolada não tá?" :D

Bjos.

Chris disse...

Poxa Ana essa nao deve mesmo ser uma situacao facil. Nem para voce, muito menos para ele. E complicado falar da Educacao no Brasil ne? Mas realmente e preciso estar vigilante sempre, mas nem por isso e culpa sua, ou dele. Tem que ver o que causou isso e mudar. Se ele tem dificuldades, ou e a forma que a professora ensina, ou sobre o conteudo. Essa serie e mesmo bem puxada, assim como a 3 serie no primario. tem anos que sao mais complicados. E importante ver a causa e mudar. Principalmente a forma de aprendizagem. Atencao especial para ele e sempre bem vinda. E um professor particular pode cair bem.

Beijaoo

Monica Loureiro disse...

É difícil não se sentir culpada, não é ?
Eu também estou passando por um problema parecido....O meu está ficando um menino-adolescente preguiçoso , e isso tem me deixado pau da vida...
Mas a gente sempre acha que falhou em alguma coisa...

Loira e Morena disse...

O clima em casa nao deve estar muito bom, mas agora é relaxar e esperar o ano q vem, ai sim tem q estudar pra q isso nao se repita!

Beijaooo da Morena!